Inglês para crianças: existe idade para começar a aprender?

Será que já é hora de matricular seu filho em um curso de inglês para crianças?

Aliás, existe uma idade mínima para começar

Se você tem esse tipo de dúvida, não se sinta sozinho.

Elas são comuns, especialmente ao considerar a importância de aprender um novo idioma para agarrar as oportunidades da vida adulta. 

E é por isso que a gente preparou este artigo completo sobre o tema.

Siga a leitura para descobrir qual é a faixa etária ideal, por que investir na língua inglesa e as particularidades do ensino para crianças.

De quebra, veja dicas sobre como os pais podem auxiliar no processo. 

Vamos lá?

Inglês para crianças

Inglês para crianças: por que incentivar?

Você talvez já tenha ouvido falar que o inglês para crianças é mais fácil de se aprender.

De fato, como ainda estão desenvolvendo habilidades cognitivas em sua língua materna, os pequenos tendem a assimilar um novo idioma de forma instintiva e espontânea.

Começando desde cedo, também são maiores as chances de alcançar a proficiência no inglês, característica que pode abrir muitas portas ao longo da vida. 

No mercado de trabalho, por exemplo, não estamos falando mais apenas de um diferencial, mas de uma necessidade. 

Outro questão central é a oportunidade de realizar intercâmbios ou mesmo de cursar programas de ensino no exterior. 

Mas vale dizer que incentivar o aprendizado do inglês para crianças não é apenas uma forma de oferecer a elas melhores condições no futuro.

Inúmeros estudos mostram que praticar a língua inglesa na infância ajuda a estimular as funções cognitivas. 

Uma pesquisa realizada na New York University, por exemplo, indica que crianças bilíngues possuem mais facilidade em perceber informações sobre quem está falando, incluindo o reconhecimento de vozes. 

Significa dizer que, sim, vale a pena incentivar o inglês para crianças, mas respeitando as particularidades dos pequenos.

Como funciona o inglês para crianças

O aprendizado de um novo idioma precisa seguir orientações específicas em diferentes faixas etárias. 

Não é razoável querer que uma criança absorva o conhecimento da mesma forma que um adulto, por exemplo. 

Aqui, incluir fatores lúdicos e de diversão é essencial para captar a atenção e garantir que o engajamento seja mantido. 

Se estamos falando de bebês, explorar os sentidos é a principal alternativa, já que a leitura e a escrita não são opções. É sobre criar familiaridade com o idioma.

Para crianças um pouco maiores, já é possível traçar paralelos entre o que ela sabe em português, o que ajuda na fixação.

Não dá para esquecer que brincar também pode ser uma forma de aprender. 

Então, apelar para estratégias como o uso de personagens que fazem sucesso entre o público infantil é algo bastante comum e certeiro. 

A familiaridade do professor não apenas com o idioma, mas também com técnicas da pedagogia, é outro aspecto que favorece o aprendizado. 

A metodologia adotada, em si, vai variar de um local para o outro. 

Mas nada impede que mesmo os pais, em casa, comecem a passar as primeiras lições. 

Idade mínima para a criança começar no inglês

Existe um consenso na comunidade científica de que aprender mais de um idioma desde os primeiros anos de vida pode estimular o desenvolvimento de habilidades cognitivas importantes. 

Ou seja, não existe a definição de uma idade mínima para que a criança comece a ter contato com um idioma diferente do seu. 

Por outro lado, um estudo conduzido no Massachusetts Institute of Technology (MIT) avaliou qual é o melhor período para iniciar: por volta dos 10 anos. 

De acordo com os pesquisadores, não foi percebida uma diferença significativa entre as pessoas que começaram muito mais cedo, em seus primeiros anos, mas foi possível notar um declínio após os 10 anos.

Essa é uma escolha pessoal, mas você já tem aí uma referência para matricular seu filho em um curso online de inglês para crianças.

4 dicas de inglês para crianças

Para reforçar aquilo que comentamos sobre o uso da diversão e de aspectos lúdicos no aprendizado do inglês para crianças, separamos algumas dicas que podem ajudar nesse processo. 

Confira!

1. Utilizar jogos e aplicativos

Desde cedo, as crianças estão familiarizadas com dispositivos como smartphones e tablets. 

Permitir que o uso deles ocorra de maneira propositiva é uma estratégia de ensino de inglês. 

Procurar por aplicativos e jogos criados especificamente para trabalhar o aprendizado infantil do idioma é um exemplo. 

No site da Cambridge Assessment English, é possível encontrar inúmeras opções. 

Na App Store e na Google Play, você também pode pesquisar por aplicativos.

O Lingokids (Android e iOS), por exemplo, é gratuito e certificado pela Oxford University Press. 

Em mais de 70 atividades, é possível aprender e aperfeiçoar o vocabulário relacionado às formas, aos animais, aos alimentos e às cores. 

2. Cantar músicas e ver desenhos

O seu filho certamente tem aquelas músicas preferidas, que ele pede para tocar à exaustão. 

Mas que tal direcionar esse interesse também para o inglês? 

Busque versões disponíveis no idioma e mescle com as canções que a criança já adora ouvir. 

O mesmo vale para os desenhos, que oferecem ainda o estímulo visual como um atrativo. 

Em plataformas como YouTube e Netflix, é possível encontrar uma infinidade de opções. 

3. Cozinhar aprendendo

O contato e a descoberta dos alimentos também é uma forma divertida e cheia de oportunidades para aprender o inglês.

Propor um café da manhã e incluir etiquetas com os nomes dos produtos no idioma nativo e naquele que está sendo aprendido pode ser uma alternativa interessante. 

Para crianças um pouco maiores, é possível até mesmo pensar no preparo de receitas simples e explicar não só o nome dos alimentos em inglês, mas os próprios passos para fazer. 

4. Criar brincadeiras temáticas

A caça ao tesouro é uma brincadeira lúdica e cheia de possibilidades para explorar. 

É possível abordar diferentes temas e espalhar pela casa dicas, escritas em inglês, que mostram o próximo passo a ser seguido. 

Ao fim da jornada, dá para presentear a criança com algum item que incentive ainda mais a aprendizagem, como um livro de história infantil em inglês. 

Curso de inglês online para todas as idades

Para fechar, que tal uma dica final? 

Nada melhor para uma criança do que aprender pelo exemplo. 

Quando os pais dominam o idioma, fica muito mais fácil oferecer incentivo e auxílio para que o filho siga pelo mesmo caminho. 

Então, que tal começar um curso de inglês online e ser essa influência positiva? 

Com a EnglishBay, você aprende falando.

Faça uma aula grátis agora mesmo!

Aula Grátis Milla

No votes yet.
Please wait...

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *